mulher

Não que faça apologias das festividades comerciais dos dias que se inventam a esmo para uns e a proveito para outros, mas valha a verdade que este vem mesmo a propósito…
E a propósito de uma curiosa quadra popular, muito em voga no Brasil nos começos do século passado e que se supõe ser de origem portuguesa, mas levada para ali por africanos, no tempo da escravatura.
A quadra, respeitando a escrita e o linguajar da época, é…

Dizem que muyé é farça,
tam farça como papé;
mas quem vendéu Jesus Christo
foi home, não foi muyé.

Claro que a quadra, em português actual e sem a raiz que lhe é nativa, perde as rimas e o quebranto; mas a sentença, essa, fica…

Dizem que mulher é falsa,
tão falsa como o papel;
mas quem vendeu Jesus Cristo
foi homem, não foi mulher.

 

 

12 comentários sobre “mulher

  1. BIA 24 Março, 2008 / 22:49

    Para não repetir, faço minhas as palavras da Gi!
    E
    Vivam os homens e as mulheres
    Com suas diferenças e parecenças!
    Deus Soube o que Fez…
    Abracinho
    BIA

  2. bettips 20 Março, 2008 / 19:36

    Justine, Gi, APC, Sophiamar
    …disseram tudo: o que penso e resta lembrar.
    Achei deliciosa a quadra e as remotas origens.
    Abç

  3. Sophiamar 12 Março, 2008 / 15:16

    Também não defendo dias disto nem daquilo que pouco ou~nada representam além do apelo ao consumo desenfreado de uma sociedade cujos valores se vão dissolvendo dia após dia correndo o risco de se tornarem pó, cinza e nada. No entanto, este, por uma questão de justiça deverá existir até que homem e mulher caminhem lado a lado no que à igualdade de oportunidades concerne.
    Um post com a qualidade a que nos habituaste.
    Excelente, amigo!
    Beijinhossss

  4. Carla 12 Março, 2008 / 14:10

    que linda esta quadra-homenagem à força de ser mulher

  5. un dress 11 Março, 2008 / 23:52

    verde que se arda…mulher!!
    belo verso. bem agudo!
    abraÇo

  6. APC 10 Março, 2008 / 03:15

    A falsidade do ser humano advém-lhe da sua história…
    E da História da Humanidade faz parte uma importante conquista que o dia em apreço pretende simbolizar (e que o transcende).
    Não será, de todo, um dia para os homens aparecerem com flores e parabéns às mulheres, como muito se vem vendo (ou teria que haver o Dia do Homem, que também não tem, hoje, a vida assim tão facilitada quanto isso), mas sim para homens e mulheres livres e com os seus princípios de igualdade e de justiça respeitados, reflectirem sobre os casos em que, ainda hoje, assim não é. Porque os há, e muito!
    Adorei o tom caipira! :-)))

  7. elvira carvalho 9 Março, 2008 / 21:55

    Gostei da quadra.
    Desejo uma boa semana.
    Um abraço

  8. Meg 9 Março, 2008 / 21:45

    Linda esta quadra, tão cheia de verdade.
    Um mimo, vinde de ti…que hei-de dizer-te, senão… bem hajas!

  9. Gi 9 Março, 2008 / 16:09

    Nem todos os gatos são pardos ,nem todos os homens pequeninos são velhacos ou dançarinos e nem todas as mulheres são falsas. Há-os de tudo, um pouco. Viva a diversidadade na unidade! Não celebro o dia mas lembro o dia e lembro-o sobretudo para lembrar aos outros que passados 2 séculos onde mulheres lutavam por melhores condições de trabalho, onde mais tarde lutaram pelo direito de voto e pela igualdade de direitos, ainda e infelizmente ainda há muitas muheres cujo unico anseio é serem tratadas como gente. Isso é que convém não esquecer.

    Um beijinho, achei uma delícia o verso que deixaste e agora vou pôr a leitura e dia e ler-te mais abaixo.

  10. São 9 Março, 2008 / 15:14

    Boa ideia, a de relembrar esta quadra!
    Feliz Domingo.

  11. Justine 8 Março, 2008 / 21:38

    O 8 de Março não será propriamente uma festividade,mas sim uma efeméride.Afinal, neste dia apenas queremos lembrar aquelas mulheres nova-iorquinas que , em 1857, tiveram a coragem de lutar por melhores condições de trabalho.
    E século e meio depois, ainda temos necessidade de continuar a lutar.
    Posto isto, obrigada pela quadra, deliciosa e verdadeira, que aceito como “singela homenagem” :))
    Beijo e vivás mulheres mais os homens que estão ao lado delas!

  12. Maria Laura 8 Março, 2008 / 16:07

    Pois… será que as mulheres são falsas mesmo? Tanto como alguns homens. Na verdade, salvaguardades as diferenças ( e graças a qualquer divindade, por elas!), há mulheres e homens bons e mus.
    E apesar de eu achar que não devia ser necessário este dia, obrigada por lembrares!

(actualmente os comentários estão encerrados)