S.P.Q.R.

Letras que geralmente se encontram em monumentos romanos (ou com alusões) e que têm sido geralmente interpretadas como sendo Senatus Populusque Romanus (senado do povo romano).
O padre António Vieira, num dos seus sermões, contesta esta interpretação afirmando que a verdadeira seria uma invocação a Deus: Salva populum quem redemisti (Salva o povo que redimisTe).
Ainda outra conjuntural interpretação diz que será Sabinus populo quis resisteret, (quem resistirá ao povo sabino?).

Uma versão popular e anedótica usa as letras para estabelecer um curioso diálogo entre o Papa e alguém que, pilhericamente, lhe pergunta Sancte Pater, quare rides (Santo Padre, por que rides?); ao que o Papa teria respondido, invertendo a leitura das mesmas letras, rideo quia papa sum, ou rio-me porque sou Papa

 

 

 

(quanto mais o bode empina mais acerta a marrada)