a carne é fraca

O conceito é perceptível e sobejamente conhecido: refere a cedência às tentações, quase sempre com mais ou menos ligeireza.
a carne é fracaA procedência é bíblica e refere Jesus Cristo na noite em que foi traído e preso. O momento era penoso, mesmo que disposto à amargura do próximo passo. Por isso a citação Pai afasta de mim este cálice (Mateus 26:39).
Nesse cenário de redenção, Jesus convidou Pedro, Tiago e João e foi com eles até ao Jardim do Getsêmani (no Evangelho de João, Getsêmani – significa lagar de azeite ou prensa de azeite – é citado como um jardim ou horto, nas cercanias do Monte das Oliveiras).
Pediu-lhes que orassem e afastou-se um pouco para uma rogativa mais suplicante. Os discípulos, porém, não foram capazes de resistir ao sono e adormeceram; assim Jesus os encontrou mais tarde.
Acordaram estremunhados com a chegada do Mestre e Jesus disse aos apóstolos Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito está pronto, mas a carne é fraca (Marcos 14:38).

 

 

 

(é bom não tentar o esfaimado dando-lhe o pão a partir)