fazer as armas de S. Francisco

Aqui estão umas armas que intrigaram a amiga Maria Emília.
O provérbio é muito antigo, é; mas, valha a verdade que, estas pelo menos, não têm nada de intrigante: são as armas  que usa, tradicionalmente, o nosso velho conhecido Zé Povinho.
Fazer as armas de S. Francisco é, de facto, fazer um manguito, um borrego, dito no linguajar alentejano.
A origem? Salvo melhor explicação, ela virá do brasão de armas da Ordem Terceira de S. Francisco, onde figuram dois braços cruzados.

 

 

 

(quando não tenho vontade de fiar, deito o fuso a nadar)